Reservatórios de Água

De fundamental importância com o propósito de garantir as condições sanitárias e higiênicas, principais fatores diretamente relacionados a qualidade da potabilidade da água para consumo direto ou indireto humano, cuja finalidade é a eliminação e remoção de biofilmes, micro-organismos e/ou depósitos de ferrugem, manganês e carbonatos, a higienização de reservatórios d’água abastecidos por Sistemas de Abastecimento Público (SAAs) ou por Soluções Alternativas Coletivas/Individuais (SACs ou SAIs) deve ser realizada semestralmente, ou então, sempre que houver suspeita de contaminação da mesma seja por substancias químicas ou por eventuais animais que podem se abrigar em seu interior, como por exemplo: mosquitos, pombos, roedores e etc.

A higienização dos reservatórios d’água deve ser executada com qualidade utilizando produtos registrados no Ministério da Saúde, e segurança por operadores treinados e certificados, atendendo aos requisitos dos procedimentos operacionais padrões, regulamentados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), bem como, também, as normas regulamentadoras NR 33 – Trabalho em Espaço Confinado e NR 35 – Trabalho em Altura.